John Frusciante diz que desistiu da música comercial

Ex-guitarrista do Red Hot Chili Peppers contou à revista "Electronic Beats" que não quer lançar novos trabalhos comerciais

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

John Frusciante foi membro do Red Hot entre 1988-1992 e 1998-2009, com quem gravou cinco álbuns
Divulgação/John Frusciante
John Frusciante foi membro do Red Hot entre 1988-1992 e 1998-2009, com quem gravou cinco álbuns
Com um novo álbum de acid-house - "Trickfinger" - lançado em abril, o músico John Frusciante afirmou à revista "Electronic Beats" que não irá mais lançar músicas, ao menos comercialmente. O ex-guitarrista da banda Red Hot Chili Peppers contou que não pretendia lançar o novo disco. "No último ano e meio eu tomei a decisão de parar de fazer música para qualquer um e sem nenhuma intenção de divulgá-la, que é o que eu vinha fazendo entre 2008 e 2012".    Na entrevista, ele ainda disse que, se considerasse o que o público quer, não iria crescer e não iria aprender. Ele revelou que tem um material pronto que ainda não foi divulgado e é nele que está trabalhando. Sem dar muitos detalhes, Frusciante disse que vem fazendo músicas abstratas de amostras que já tinha. "Não tenho nenhuma ideia pré-concebida do que vou fazer quando começo. Eu deixo as amostras me guiarem e vou gradualmente adicionando os sintetizadores e a batida".   "Nesse momento não tenho plateia. Faço canções e não as termino nem mando para ninguém, e, consequentemente, vivo com a música. A música torna-se parte da atmosfera em que estou vivendo. Ou eu faço uma canção linda de influência clássica, ou faço uma cujo tempo está mudando a todo momento, e não há um centro melódico nem rítmico. É só uma música desorientada que está caindo aos pedaços", contou. Frusciante - que não foi à indução do Red Hot Chili Peppers no Hall da Fama, em 2012 - fará uma participação no novo álbum da banda inglesa Duran Duran.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave