Presidente diz que maioria dos iranianos deseja acordo nuclear

"Apesar de uma pequena minoria que fala alto e forte, a grande maioria da população é favorável à paz, à reconciliação e ao entendimento construtivo com o mundo", afirmou Rohani

iG Minas Gerais | AFP |

A grande maioria dos iranianos quer a paz com o resto do mundo, afirmou nesta terça-feira o presidente Hassan Rohani, ao defender as negociações nucleares em curso com as grandes potências.

"Apesar de uma pequena minoria que fala alto e forte, a grande maioria da população é favorável à paz, à reconciliação e ao entendimento construtivo com o mundo", afirmou Rohani durante um discurso em Shahriyar, ao oeste de Teerã, exibido pelo canal de televisão estatal.

O Irã e o grupo de países 5+1 - os cinco membros do Conselho de Segurança da ONU (China, Estados Unidos, França, Reino Unido e Rússia) e a Alemanha - estão em um processo de negociação sobre o polêmico programa nuclear de Teerã desde 2013.

Os países ocidentais, que suspeitam da intenção do Irã de produzir a bomba atômica, querem garantir o caráter exclusivamente pacífico do programa nuclear de Teerã, em troca da suspensão das sanções internacionais que asfixiam a economia do país.

As duas partes assinaram um acordo preliminar em 2 de abril e se comprometeram a redigir um texto final até 30 de junho.

Apesar das negociações, aprovadas pelo guia supremo iraniano, o aiatolá Ali Khamenei, contarem com o apoio da população e da classe política, alguns conservadores criticam as concessões aos ocidentais para limitar a extensão do programa nuclear.

"Estamos determinados a resolver nossos problemas com o mundo por meio da lógica, argumentação e negociação", disse Rohani.

"A equipe, muito forte, de negociadores nucleares dá a cada dia passos sérios para conseguir os direitos da nação", completou. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave