Levir mantém time ofensivo, mas Dátolo sai com dores

Atlético tende a manter o mesmo time que venceu o Fluminense na última rodada

iG Minas Gerais | FERNANDO ALMEIDA |

Argentino sentiu um incômodo no tornozelo esquerdo, após sofrer uma pancada de Danilo Pires
BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
Argentino sentiu um incômodo no tornozelo esquerdo, após sofrer uma pancada de Danilo Pires

O técnico Levir Culpi levou a campo nesta sexta-feira o mesmo time que venceu o Fluminense por 4 a 1 na última rodada, com apenas um volante de ofício – Rafael Carioca. Perto do fim da atividade, porém, o meia Dátolo deixou o gramado com dores no tornozelo esquerdo após entrada de Danilo Pires, que pediu desculpas.

Com isto, a equipe que pode entrar contra o Atlético-PR, neste domingo, em Curitiba, é: Victor; Patric, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Carioca, Dátolo (Giovanni Augusto, Maicosuel ou Donizete), Luan, Carlos e Thiago Ribeiro; Lucas Pratto.

Guilherme treinou em outra parte do campo com atletas que não ficaram nem entre os reservas nos dois últimos dias de treino, como o atacante André. O meia, porém, nem sequer vai para o banco de reservas.

“Guilherme para essa partida não. Para a outra talvez. Eu vi o tornozelo do Dátolo; pensei que era uma torção, mas era só um corte, nove centímetros (risos). Não deve ser problema”, afirmou o técnico Levir Culpi.

O comandante ainda fez alguns testes colocando Maicosuel e Giovanni Augusto entre os titulares e sacando Luan e Carlos.

Leia tudo sobre: DátolotreinoCidade do Galotreinamento