Renan e Cunha apresentam pacote de medidas fiscais

No entanto, ambos negaram estar atuando contra o governo. “Não é contra o governo, não é contra ninguém

iG Minas Gerais |

Brasília. Os presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), apresentaram ontem um pacote de medidas fiscais e administrativas. A lista, que inclui a elaboração de uma Lei de Responsabilidade Fiscal para estatais e questões relacionadas ao pacto federativo, foi elaborada em uma reunião dos dois presidentes com líderes de partidos da oposição.

No entanto, ambos negaram estar atuando contra o governo. “Não é contra o governo, não é contra ninguém. Isso é o Parlamento legislando aquilo que é da sua competência, procurando preservar os entes federados”, disse Cunha. Apesar do argumento, ao longo da entrevista, ele e Renam mencionaram o “tarifaço do governo federal” e se referiram ao serviço público como sendo de “péssima qualidade”.

O pacote de Renan e Cunha é apresentado no momento em que o governo trabalha na aprovação de medidas econômicas para promover o chamado ajuste fiscal, entre elas propostas que endurecem o acesso a benefícios trabalhistas e previdenciários. A votação das propostas no Congresso tem enfrentado resistência da oposição e mesmo da base aliada.

Indicações

Regra. Renan e Cunha querem criar uma comissão mista para elaborar uma lei com regras para indicação de diretores em estatais, inclusive as de capital aberto, como a Petrobras e o BB.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave