Minas é o 22º em ranking de mortes por acidentes de motocicletas

A taxa de mortalidade no Estado é de 4,1 para cada 100 mil habitantes; no Brasil, o índice é de 6,3 mortes por 100 mil habitantes

iG Minas Gerais | Da redação |

Minas Gerais ocupa a 22ª posição no ranking de mortes por acidentes de motocicleta, segundo dados do Ministério da Saúde. A taxa de mortalidade no Estado é de 4,1 para cada 100 mil habitantes. No Brasil, o índice é de 6,3 mortes por 100 mil habitantes.

Segundo o Ministério da Saúde, nos últimos seis anos, as internações hospitalares no Sistema Único de Saúde (SUS) envolvendo motociclistas tiveram um crescimento de 115% e o custo com o atendimento a esses pacientes, um acréscimo de 170,8%. Em Minas Gerais, foram 10.628 internações em 2014, representando um gasto de R$ 17 milhões.

Segundo dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade do Ministério da Saúde, entre 2003 e 2013, o número de mortes de motociclistas aumentou 280%, de 4.292 para 12.040. Parte do aumento de acidentes envolvendo motos se deve ao crescimento vertiginoso da frota no país. Entre 2003 e 2013, o número de motocicletas aumentou 247,1%, enquanto a população teve um crescimento de 11%.

Perfil das vítimas

Segundo Sistema de Vigilância de Violências e Acidentes (VIVA 2011), que traça o perfil das vítimas de violências e acidentes atendidas em serviços de urgência e emergência do SUS em capitais brasileiras, 78,76% das vítimas de acidente de transporte terrestre envolvendo motociclista são homens, na faixa etária de 20 a 39 anos. Entre os motociclistas ouvidos, 19,6% informaram o uso de bebida alcoólica antes do acidente e 19,7% estavam sem capacete.

Ações

Durante a 68ª Assembleia Mundial de Saúde, o  ministro Arthur Chioro falou sobre algumas ações que estão sendo estudadas para prevenir os acidentes com motocicletas, como a obrigatoriedade de apresentação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) no momento da compra do veículo e a possibilidade de financiamento do capacete como um Equipamento de Proteção Individual (EPI), junto ao veículo.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave