Hamilton lidera treinos em Mônaco; Massa e Nasr sofrem com pneus

De acordo com o piloto da Williams, a maior dificuldade neste primeiro dia foi conseguir aquecer os compostos

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

A chuva que caiu no início da tarde em Mônaco acabou encurtando o tempo dos pilotos na pista nesta quinta-feira (21), dia dos primeiros treinos livres para a sexta etapa do Mundial de F-1. Mas, ainda assim, o que se viu, além do domínio da Mercedes, com Lewis Hamilton em primeiro e Nico Rosberg no segundo posto, e a Ferrari logo atrás, com Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen, foi que a dupla de brasileiros na categoria terá muito trabalho a fazer nesta sexta (22), dia de folga no Principado.

Felipe Massa completou a segunda sessão de treinos na 12ª colocação ao marcar sua melhor volta em 1min19s560, enquanto Felipe Nasr foi apenas o 17º colocado com 1min20s263.

"Não foi uma surpresa para nós, pois já sabíamos que esta seria uma pista em que sofreríamos. Acho que foi um dia médio para nós. Há muito o que melhorar no nosso carro, e se a temperatura subir um pouco, vai nos favorecer", afirmou Massa.

De acordo com o piloto da Williams, a maior dificuldade neste primeiro dia em Montecarlo foi conseguir aquecer adequadamente os compostos.

Mesmo problema teve Nasr, com seu Sauber. Mas, segundo o brasileiro, que fez sua estreia em Mônaco, em seu caso o problema é um pouco mais complicado de resolver.

"Pela manhã tivemos muita dificuldade para aquecer os pneus, especialmente os dianteiros. Dizem que carga aerodinâmica não é tão importante em Mônaco, mas é besteira. Ela ajuda a gerar energia neste pneu, por exemplo", afirmou Nasr, que também reclamou da falta de tração de seu carro.

"Temos muito para analisar agora e vamos usar a sexta-feira de folga para tentar entender tudo. O importante é que se conseguirmos melhorar o carro vamos acabar ganhando tempo na pista toda. No momento, se conseguirmos chegar no Q2 já vai ser bom", afirmou.

Sobre sua estreia nas ruas do Principado com um carro de F-1 -ele já havia corrido de GP2 em três temporadas-, Nasr disse ter gostado da experiência.

"É bem diferente do que eu já tinha feito aqui e foi uma sensação única, especialmente porque este é um circuito com muita história. Foi um momento legal, mas o dia foi bem complicado".

Treinos. De contrato renovado com a Mercedes por mais três temporadas, Lewis Hamilton foi o mais rápido do primeiro dia de treinos livres para o GP de Mônaco de F-1, sexta etapa do Mundial, que será disputado neste domingo, a partir das 9h (de Brasília).

Com mais da metade do segundo treino livre realizado sob chuva, o inglês estabeleceu o tempo de 1min17s192. Ele ficou à frente de seu companheiro de equipe, o alemão Nico Rosberg, que completou sua melhor volta em 1min17s932.

Logo atrás, vieram as Ferraris de Sebastian Vettel (1min18s295) e Kimi Raikkonen (1min18s543). Com a Williams, Felipe Massa fez o 12º tempo (1min19s560). Já Felipe Nasr ficou em 17º (1min20s23).

Confira os tempos do segundo treino livre:

1 - Lewis Hamilton - 1min17s192 2 - Nico Rosberg - 1min17s932 3 - Sebastian Vettel - 1min18s295 4 - Kimi Raikkonen - 1min18s543 5 - Daniil Kvyat - 1min18s548 6 - Carlos Sainz - 1min18s659 7 - Max Verstappen - 1min18s782 8 - Fernando Alonso - 1min18s906 9 - Nico Hulkenberg - 1min19s151 10 - Romain Grosjean - 1min19s266 11 - Sérgio Perez - 1min19s300 12 - Felipe Massa - 1min19s560 13 - Valterri Bottas - 1min19s566 14 - Pastor Maldonado - 1min19s577 15 - Jenson Button - 1min19s606 16 - Daniel Ricciardo - 1min19s639 17 - Felipe Nasr - 1min20s263 18 - Roberto Merhi - 1min22s017 19 - Will Stevens - 1min22s943

Leia tudo sobre: HamiltonlideratreinosMonacoMassaNasrsofrempneus