Filho de Zidane pega 3 pênaltis e coloca França na final da Eurocopa

'Bleuets' decidirão o título com a Alemanha, que superou a Rússia por 1 a 0 na outra semifinal

iG Minas Gerais | Folhapress |

Filho caçula do carrasco do Brasil em Copas do Mundo, Luca Zidane, que joga como goleiro, foi o herói da classificação da seleção francesa Sub-17 para a final da Eurocopa, com três defesas na disputa de pênaltis contra a Bélgica, nesta terça-feira, em Burgas, na Bulgária.

Os 'Bleuets' decidirão o título com a Alemanha, que superou a Rússia por 1 a 0 na outra semifinal.

Luca Zidane brilhou durante toda a partida, fazendo defesas importantes também durante os 80 minutos do tempo normal, que terminou empatado em 1 a 1.

O goleiro tentou até imitar o pai no momento em que foi cobrar um dos pênaltis, tentando uma 'cavadinha', como Zinedine, na final da Copa do Mundo de 2006. Luca quase prejudicou sua equipe ao mandar a bola no travessão, mas se redimiu com três defesas.

Há nove anos, aconteceu exatamente o contrário com 'Zizou'. A 'cavadinha' resultou na abertura do placar, ainda no primeiro tempo, mas a França deixou a Itália empatar e acabou sendo derrotada nos pênaltis.

Na ocasião, Zinedine Zidane, que disputava sua última partida como profissional, foi expulso na prorrogação, por ter dado uma cabeça no peito do zagueiro Marco Materazzi.

A seleção francesa Sub-17 foi campeã europeia apenas uma vez, em 2004, quando triunfou em casa com craques da famosa 'geração 87',como Karim Benzema, Samir Nasri, Jérémy Ménez e Hatem Ben Arfa.

Zinedine Zidane tem outro filho jogador de futebol, Enzo, de 20 anos, que atua, como o irmão mais novo, nas categorias de base do Real Madrid, onde o pai é técnico do time B.

Leia tudo sobre: zidaneluca zidaneeurocopa sub-17defesas