Copasa divulga índice de economia de água diferente do anunciado pelo

Na segunda-feira, em teleconferência com os investidores, diretor financeiro da companhia, Edson Machado Monteiro, afirmou que economia tinha sido de 11%

iG Minas Gerais | Da Redação |

A Copasa divulgou nesta terça-feira (19) que a economia no consumo de água na região metropolitana de Belo Horizonte foi de 15%, índice diferente do que foi anunciado nesta segunda-feira (18) pelo diretor financeiro da companhia,  Edson Machado Monteiro, durante teleconferência com investidores e analistas de mercado, e publicado nesta terça-feira pelo jornal O TEMPO.

No áudio, que encontra-se disponível no site da Copasa (36'50''), Monteiro afirma: “após a campanha de conscientização do consumo, onde houve uma redução drástica, chegou à ordem de 16% em março e, agora em abril, se observou quase 11% em relação a abril do ano passado.

Então, as nossas estimativas nos levam a acreditar que mantidos esses níveis de consciência e de economia, nós chegamos às chuvas de novembro sem ter de adotar planos de racionamento”, disse ele.

No entanto, a estatal mostra um índice de economia maior, de 15%. A explicação da companhia é que os cálculos usados pela Diretoria Financeira são diferentes dos utilizados para a divulgar níveis de consumo para a população.

Segundo a assessoria de comunicação, o dado operacional de 11% considera todos os imóveis faturados em abril 2014 e 2015. Já o levantamento divulgado nesta terça-feira levou em consideração apenas parte os imóveis faturados.

Leia tudo sobre: Copasabalançocrise hídricainvestidores