Toyota faz recall de 112.997 unidades por defeito no airbag

Ao todo, 112.997 unidades foram convocadas; segundo nota da empresa, o problema pode provocar a dispersão de fragmentos de metal

iG Minas Gerais | Folhapress |

undefined
undefined

A Toyota do Brasil anunciou recall dos modelos Corolla -produzidos entre dezembro de 2003 e março de 2007-e Fielder -produzidos entre abril de 2004 e março de 2007- por problema no airbag do passageiro.

Ao todo, 112.997 unidades foram convocadas. Segundo nota da empresa, o problema pode provocar a dispersão de fragmentos de metal, o que implicaria no risco de danos materiais e lesões físicas aos ocupantes do veículo.

A primeira etapa do recall começa no dia 25 de maio e terá como medida a desativação da bolsa do airbag do passageiro dianteiro, além da fixação de etiqueta adesiva no painel do veículo que informa sobre a desativação temporária do acessório.

A segunda etapa começa 60 dias após o início da primeira e, nela, os proprietários serão novamente chamados para a substituição do deflagrador, com a reativação da bolsa do airbag do passageiro dianteiro e a remoção da etiqueta de alerta.

A empresa alerta para que os proprietários dos veículos envolvidos na campanha não utilizem o banco dianteiro do passageiro para o transporte de pessoas e aguardem o início da primeira etapa do recall.

Veículo -- Data de fabricação -- Modelos -- Chassis

Corolla -- 15/12/2003 a 30/03/2007 -- XEi e SEG -- código alfanumérico: 9BR53Z* / últimos sete dígitos: 8542987-8555869

Fielder -- 06/04/2004 a 30/03/2007 -- XEi e SEG -- código alfanumérico: 9BR72Z* / últimos sete dígitos: 8604870-8608442

Leia tudo sobre: Toyotarecallunidadesdefeitoairbag