Petrobras poderá emitir R$ 3 bilhões em debêntures

Conforme comunicado ao mercado, serão emitidas 300 mil debêntures, com valor nominal unitário de R$ 10 mil

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

O Conselho de Administração da Petrobras autorizou a estatal a captar no mercado R$ 3 bilhões por meio da emissão de debêntures (dívida privada de longo prazo). Essa será a 5ª emissão desse tipo de papel da petroleira.

Conforme comunicado ao mercado, serão emitidas 300 mil debêntures, com valor nominal unitário de R$ 10 mil. A Petrobras poderá lançar lote adicional de 20% do inicialmente ofertado e um suplementar de 15%.

A aprovação do conselho não obriga a companhia a realizar a operação. No comunicado, a Petrobras afirma que "irá avaliar as condições de mercado e sua necessidade de captação ao longo de 2015 para a tomada de decisão final a respeito da realização da emissão".

Conforme balanço do primeiro trimestre de 2015, divulgado na última sexta-feira, a dívida líquida da Petrobras soma R$ 332,45 bilhões. A companhia reportou lucro líquido R$ 5,33 bilhões no período, após o prejuízo registrado em 2014 com perdas por corrupção e desvalorização de ativos.

A estatal havia informado, em abril, que havia conseguido equacionar suas necessidades de financiamento para 2015. Na ocasião, a empresa anunciou empréstimos de bancos estatais e do Bradesco, além de vendas de plataformas -as operações somavam R$ 18,7 bilhões. Em março, empresa já tinha conseguido empréstimo de US$ 3,5 bilhões com o Banco de Desenvolvimento da China.

Leia tudo sobre: PetrobrasLava JatolavajatoR$ 3 bilhõesdebêntures