Brasileiro chega em 2º na Maratona de SP; quenianos dominam competição

Primeiro e terceiro lugares ficaram com os africanos; no feminino, as quenianas também ditaram o ritmo da 21ª edição

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Atleta foi o único brasileiro a subir no pódio na edição deste ano da disputa internacional
Divulgação
Atleta foi o único brasileiro a subir no pódio na edição deste ano da disputa internacional
Único brasileiro a subir ao pódio, o brasileiro Vagner da Silva Noronha garantiu o segundo lugar na Maratona de São Paulo, que aconteceu na manhã deste domingo (17). A primeira e a terceira colocações ficaram com os quenianos Asbel Kipsang, com tempo de 2h15m14s, e Samuel Kiptum.   Na categoria feminina, as atletas quenianas também dominaram a competição. Os três primeiros lugares foram ocupados por Caroline Rotich, com tempo de 2h35m51s, a então favorita ao título, Rumokol Chepkanan, e Jane Jelagat Seurey.   Graciete Santana, que chegou em 4º, foi a brasileira com a melhor colocação na maratona. Ela foi seguida por Marizete dos Santos, que obteve a quinta colocação.   A prova, que teve início às 6h40, recebeu 22 mil atletas, em 42 km de corrida. As largadas e chegadas aconteceram na Avenida Pedro Álvares Cabral, próximo ao Obelisco, no Ibirapuera.   A 21ª edição da prova de 42 km teve como novidade a volta de trechos na região de Pinheiros e USP, além das disputas 15 milhas (24.140 m), 5 milhas (8.047 m) e caminhada de 2 milhas (3.212 m).