Programa volta com mais rigor nas provas

Sucesso na Band, reality show estreia nova temporada nesta terça-feira (19), com Ana Paula Padrão e o exigente trio de jurados Paola Carosella, Henrique Fogaça e Erick Jacquin

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

undefined
BAND / DIVULGAÇÃO
undefined

São Paulo. Na próxima terça-feira (19), às 22h30, começa uma nova e mais difícil disputa entre cozinheiros, na segunda temporada do “MasterChef” (Band). Maior acerto da emissora em 2014, a competição promete ser ainda mais acirrada.

“As provas estão mais difíceis, os pratos, mais elaborados, e a exigência técnica, ainda maior”, comenta Ana Paula Padrão, que segue no comando do reality show ao lado do exigente trio de jurados Paola Carosella, Henrique Fogaça e Erick Jacquin.

Em três meses, o programa recebeu mais de 10 mil inscrições, mas, segundo Ana, apenas 3.058 cumpriram todas as exigências. “Vinte consultores fizeram uma rigorosa triagem e chegaram a 400 pessoas. Apenas 75 candidatos seguiram para a prova que vai abrir a temporada: cozinhar para os jurados”, adianta. Dessa seleção, 18 entrarão no programa.

“Diferentemente da temporada anterior, vamos revelar já no terceiro episódio quem passou pelo crivo dos jurados e vai, de fato, entrar na disputa”, adianta Ana.

O vencedor da segunda temporada vai ganhar R$ 150 mil, além R$ 1.000 por mês durante um ano para compras em um supermercado, um carro, uma bolsa de estudos na conceituada Le Cordon Bleu, em Paris, e o cobiçado troféu de MasterChef.

No time dos jurados que divertiram, intrigaram e chegaram a ser odiados pelo telespectador, a chef Paola Carosella diz que estará mais interessada em como os participantes vão se comportar na cozinha. “Não exijo que eles tenham perfil de jogador. Espero participantes que tenham boas histórias para contar por meio da comida, que cozinhem com a alma e tenham carinho pelo trabalho”, diz.

Conhecido como o mais rigoroso, o que dá mais broncas e o mais ácido do trio, o chef Erick Jacquin promete não se abalar com as dificuldades dos participantes. “Quem é jurado é o meu paladar, o meu nariz, os meus olhos. Não o meu coração nem os meus ouvidos. Eu exijo coragem, disciplina, sabor, elegância e respeito”.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave