Marcelo Oliveira condena confusão em La Bombonera: 'foi lamentável'

Decisão da Conmebol quanto ao rival celeste nas quartas de final só será conhecido neste sábado

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

ESPORTES BH MG: TREINO DO CRUZEIRO NA TOCA DA RAPOSA II NA TARDE DESTA SEXTA FEIRA. NA FOTO: MARCELO OLIVEIRA

FOTOS: DENILTON DIAS / O TEMPO / 08.05.2015
DENILTON DIAS / O TEMPO
ESPORTES BH MG: TREINO DO CRUZEIRO NA TOCA DA RAPOSA II NA TARDE DESTA SEXTA FEIRA. NA FOTO: MARCELO OLIVEIRA FOTOS: DENILTON DIAS / O TEMPO / 08.05.2015

O Cruzeiro fez sua parte. Classificou-se com louvor para as quartas de final da Copa Libertadores. No entanto, a definição de seu adversário segue uma novela, tudo por conta da suspensão da partida entre Boca Juniors e River Plate após uma verdadeira confusão em La Bombonera. Os jogadores da equipe Millonaria foram atingidos por spray de pimenta na volta do intervalo. Segundo imagens, o produto químico, de caráter repressivo, foi lançado por torcedores do Boca.

As cenas receberam a repreensão do técnico Marcelo Oliveira, que pediu até mesmo uma punição severa aos envolvidos.

"Eu achei lamentável, nos indignamos com o que aconteceu porque nos dias de hoje pensar em Libertadores, um clássico mundial, acontecer o que aconteceu é indignante e preocupante ao mesmo tempo", avaliou Marcelo.

"Eu acho que o clube tem que ter o mínimo de segurança no estádio. Existem situações que fogem desta segurança e do clube, isto realmente é questão de educação. Tem que haver uma punição severa, prender, colocar na cadeia, fazer com que estes torcedores possam saber que existe lei", complementou o treinador.

A mesma opinião foi compartilhada pelo zagueiro Bruno Rodrigo, que considerou o ocorrido em La Bombonera um verdadeiro atraso para o futebol sul-americano.

"Aconteceu bem antigamente estas coisas, fatos que não deveriam voltar a acontecer no futebol. Prejudica a equipe do Boca, que acaba pegando, por atos impensados da torcida, uma punição grave", finalizou.

A decisão da Conmebol quanto ao rival celeste nas quartas de final só será conhecido neste sábado. No entanto, a diretoria cruzeirense já trabalha com uma informação extraoficial de que o compromisso acontecerá na quinta-feira, às 22h, no Monumental, contra o River Plate. Pacotes disponibilizados ao torcedor, pela agência de viagens oficial do Cruzeiro, já são inclusive comercializados na internet com esta definição. 

Leia tudo sobre: CRUZEIRORAPOSAMARCELO OLIVEIRARIVER PLATEBOCA JUNIORS