'Minha tática não deu certo', diz Medina após eliminação no Rio

Atual campeão mundial da categoria foi derrotado pelo havaiano Keanu Asing, na terceira rodada da etapa do campeonato no Rio de Janeiro

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Medina perdeu para o rival, por 14,17 a 13,60, e foi eliminado da competição
Reprodução/ Facebook
Medina perdeu para o rival, por 14,17 a 13,60, e foi eliminado da competição

Atual campeão mundial, o paulista Gabriel Medina, 21, lamentou os erros em sua estratégia na bateria contra o havaiano Keanu Asing, 20, pela terceira rodada da etapa do Rio do Mundial de surfe, na praia da Barra da Tijuca, nesta sexta-feira (15).

Medina perdeu para o rival, por 14,17 a 13,60, e foi eliminado da competição.

"Tinha bastante correnteza e eu não consegui me localizar no lugar em que eu queria. Minha tática não funcionou", disse o paulista após a derrota.

Medina pegou 15 ondas no total. Apesar de se arriscar ao máximo, ele não conseguiu notas altas. As maiores foram 6,50 e 7,10. Já Asing, em dez ondas, teve 5,57 e 8,60 como suas maiores notas.

"Eu procurei uma onda [que quebra] para a direita, porque o vento estava bom para dar aéreo, mas não consegui achar e só fui para a esquerda", disse o surfista.

Este é mais um resultado ruim para o brasileiro. Nas três primeiras etapas, na Austrália, Medina ficou em 13º em Gold Coast, em quinto em Bells Beach e em 25º em Margaret River.

Com mais este modesto resultado, Medina ficará ainda mais distante da liderança do Mundial, que hoje pertence a Mineirinho, já eliminado também no Rio.

Mineirinho perdeu para o neozelandês Ricardo Christie, 26, que está em sua primeira temporada no Mundial. O brasileiro acabou derrotado por 16,57 a 13,90.

Leia tudo sobre: medinario de janeiroetapamundial de surfeeliminaçao