Operação policial na Venezuela deixa três mortos e 865 detidos

Ação contra a insegurança nos bairros venezuelanos de San Vicente e El Viñedo, da cidade de Maracay teve a particpação de mais de 2 mil policiais

iG Minas Gerais | Agência Brasil |

Operação policial contra a insegurança nos bairros venezuelanos de San Vicente e El Viñedo, da cidade de Maracay, a 100 quilômetros a Oeste de Caracas, deixou três mortos e 865 detidos.

A operação ocorreu na quarta-feira (13) com a participação de mais de 2 mil homens da área de investigações científicas, penais e criminalísticas da polícia do Estado de Aragua e da 42ª Brigada de Infantaria de Paraquedistas.

Segundo fontes policiais, a operação ocorreu na sequência de denúncias da comunidade local e de suspeitas de que, naqueles locais, moravam os autores de uma série de atentados com explosivos contra as instalações da polícia nas localidades venezuelanas de Villa de Cura e Turmero, ambas a oeste de Caracas.

Os detidos são ainda suspeitos de envolvimento em casos de homicídio, roubo e tráfico de drogas. Durante a operação, quatro homens foram detidos com vários tipos de droga.

Na Venezuela, a insegurança é apontada como uma das principais preocupações dos cidadãos.

Leia tudo sobre: OperaçãopolicialVenezuelamortosdetidos