Imagem como objeto de desejo

A partir de amanhã, mineiro Daniel Mansur apresenta cliques autorais na mostra "Caminho", em Belo Horizonte

iG Minas Gerais | lucas buzatti |

Natureza. As fotos de paisagens chamam atenção tanto pela contemplação como pelo olhar crítico
Daniel Mansur
Natureza. As fotos de paisagens chamam atenção tanto pela contemplação como pelo olhar crítico

Fotografia é arte? A pergunta levanta inúmeras questões, que nem mesmo cabem nessa reportagem. Mas uma coisa é fato: alguns cliques chegam a ser tão sublimes e belos que podem facilmente figurar em galerias ou em espaços decorados com bom gosto. É o caso do trabalho do fotógrafo mineiro Daniel Mansur, que abre nesta terça a mostra “Caminho”, no Espaço Cultural do Ponteio Lar Shopping.

Com cerca de 30 fotografias, a exposição compila grandes momentos da trajetória do profissional, no mercado há 29 anos. “Como fotógrafo, já pude ir a lugares incríveis e registrar várias paisagens inesquecíveis, como algumas que estão na mostra”, conta Mansur, que formou-se em publicidade antes de se enveredar pelo universo da fotografia.

Finalista do prêmio Conrado Wessel, Daniel Mansur tem diversos trabalhos publicados em livros e revistas (como “Bens Tombados de Diamantina”, “Museu do Ouro” e “Velho Chico 500 anos”), além de anos de experiência nas artes visuais. “Entrei para o campo das artes visuais fotografando coleções e obras de artistas plásticos. Registrei muito o Inhotim, onde estou realizando um novo trabalho no momento”, conta o fotógrafo.

A vivência de Mansur no meio artístico o deu tanto o olhar apurado para registrar paisagens como o conhecimento técnico para criar imagens que brincam com formas geográficas. “São experimentos que faço com texturas e edificações, baseados na ideia do caleidoscópio. Assim, transformo duas palmeiras em algo como um grande lábio e a lateral de um edifício vira uma escultura”, explica o fotógrafo.

Há alguns anos, Mansur percebeu um crescente interesse pela fotografia no mercado da decoração e resolveu se dedicar às fotos “fine art” – feitas puramente por impulso artístico e estético. “A fotografia ganhou um apelo muito grande, tornou-se objeto de desejo”, defende. “Como já tinha vontade de mostrar meu trabalho autoral, decidi montar essa exposição e tive a sorte de encontrar bons parceiros, que possibilitaram uma impressão de altíssima qualidade”, afirma o profissional, lembrando que foram impressas somente cinco unidades de cada fotografia.

Para Daniel Mansur, a tecnologia dos tempos atuais facilitou o acesso aos equipamentos de fotografia, fazendo com que os profissionais tenham que buscar diferenciais em seus trabalhos. “Não me considero um artista; sou fotógrafo. Mas a fotografia não deixa de ser uma bela manifestação artística, que está se expandindo cada vez mais”, opina.

Agenda

O QUÊ. Mostra “Caminho” – Fotografias de Daniel Mansur

QUANDO. Desta terça a 15 de maio. Visitação: De 10h às 22h

ONDE. Espaço Cultural do Ponteio Lar Shopping (BR 356, 2.500, Santa Lúcia)

QUANTO. Entrada franca

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave