Vasco faz gol nos acréscimos e vence primeira partida da decisão no Ri

Gol da vitória saiu aos 46 do segundo tempo e Vasco agora só precisa de um empate para ser campeão do estadual

iG Minas Gerais | @Super_FC |

Com um gol de Rafael Silva aos 46 min do segundo tempo, o Vasco venceu o Botafogo, por 1 a 0, neste domingo (26), no Maracanã, na primeira partida da decisão do Estadual do Rio.

Com o resultado, o time de São Januário tirou a vantagem do adversário e precisa de apenas um empate para acabar com o jejum de 12 anos sem vencer o campeonato. A última conquista foi em 2003.

O gol da vitória vascaína saiu após uma cobrança de falta de Bernardo. A bola atravessou toda a área e sobrou para Rafael Silva tocar para o gol. Campeão paulista pelo Ituano no ano passado, o atacante entrara no segundo tempo no lugar de Dagoberto e fez a festa da torcida vascaína.

"Acabei pegando errado na bola na cobrança de falta, mas o Rafael foi rápido e fez o gol", explicou o atacante Bernardo, um dos jogadores mais festejados pelos torcedores.

A primeira partida da decisão foi assistida por 45.488 torcedores no Maracanã. A renda do clássico foi de quase R$ 2 milhões (R$ 1.944.455, 00) para um público de 39.379 pagantes.

O Botafogo começou melhor. Aos 20 segundos, o atacante Bill obrigou o goleiro Martín Silva a fazer uma defesa difícil. A bola ainda tocou no travessão.

Com o tempo, o Vasco conseguiu equilibrar a partida. Aos 18 min, a equipe de São Januário desperdiçou a melhor oportunidade. Julio dos Santos aproveitou o erro do zagueiro Diego Giaretta, que não conseguiu tirar de cabeça uma bola fácil, e tentou encobrir Renan. A bola quase entrou.

Depois da jogada, o Vasco equilibrou a partida, mas não conseguiu fazer o primeiro.

No intervalo, Simões mexeu no time. Ele colocou Tomas no lugar de Gegê. Aos 8 min, Bill desperdiçou outra oportunidade. Ele recebeu passe de Pimpão e tirou do goleiro uruguaio. A bola passou próxima da trave esquerda e foi para fora.

Aos 13 min, o vascaíno Doriva fez duas mudanças no time no setor ofensivo. O treinador colocou Bernardo e Rafael Silva na equipe. A equipe melhorou. Depois, aos 29 min, o atacante Thales entrou.

A decisão permaneceu equilibrada, com os dois times desperdiçando oportunidades. Aos 40 min, o botafoguense Arão chutou no travessão.

Mas, no final, o Vasco garantiu a vitória com o gol de Rafael Silva, aos 46 min.

VASCO Martin Silva, Madson, Luan, Rodrigo e Christianno; Serginho, Guiñazú, Julio dos Santos (Thalles) e Marcinho (Rafael Silva); Dagoberto (Bernardo) e Gilberto. T.: Doriva.

BOTAFOGO Renan, Gilberto, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Carleto; Marcelo Mattos, Willian Arão, Fernandes e Gegê (Tomas Bastos); Rodrigo Pimpão (Sassá) e Bill. T.: René Simões.

Estádio: Maracanã, no Rio Árbitro: Luis Antonio da Silva Santos Renda e público: R$ 1.944.455,00 / 39.379 pagantes Cartões amarelos: Rodrigo, Serginho, Rafael Silva, Thalles (V); Carleto, Bill, Gilberto, Marcelo Mattos (B) Gol: Rafael Silva (V), aos 46 min do 2º tempo

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave