Torcedores do Cruzeiro jogam comida no carro de Gilvan após clássico

Indignado, presidente celeste preferiu deixar o Gigante da Pampulha no ônibus da equipe

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

Gilvan não quis falar com a imprensa após ter carro atingido por comida
JOSIAS PEREIRA/ WEBREPÓRTER
Gilvan não quis falar com a imprensa após ter carro atingido por comida

Após a derrota para o Atlético por 2 a 1, de virada, no Mineirão, resultado que eliminou a Raposa da final do Campeonato Estadual, o carro do presidente celeste Gilvan de Pinho Tavares foi atacado por alguns torcedores que passavam pelo estacionamento do Mineirão. Eles atiraram restos de alimento no veículo. O mandatário azul e seu motorista particular estavam dentro do carro no momento.

Gilvan, que saía do Mineirão, voltou para o estacionamento do estádio e ficou por um longo tempo conversando com os policiais.

O dirigente não quis falar com a imprensa e preferiu deixar o Mineirão no ônibus do Cruzeiro. O supervisor de futebol celeste, Benecy Queiroz, comentou sobre o fato.

"A gente perdeu, não queríamos que isto tivesse acontecido, mas são coisas do futebol. Isto não dá direito de agredir ou cometer um ato deste. É uma coisa lamentável", finalizou. 

Leia tudo sobre: torcidarevoltagilvanatiracomidacarrocruzeiroatleticosemifinaismineiro