Brasil sobe no ranking e vê dois rivais da Copa América caírem

Time comandado por Dunga aparece na quinta colocação, após ultrapassar a Holanda

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Vitórias sobre França e Chile, no final de março, ajudaram o Brasil a subir na lista de melhores seleções da Fifa
Rafael Ribeiro / CBF
Vitórias sobre França e Chile, no final de março, ajudaram o Brasil a subir na lista de melhores seleções da Fifa

Após as vitórias sobre a França e o Chile no mês passado, a seleção brasileira subiu uma posição no ranking da Fifa, atualizado nesta quinta-feira (9). O time comandado por Dunga aparece na quinta colocação, com 1.354 pontos -ultrapassou a Holanda, sexta colocada, com 1.301 pontos.

É a melhor posição do Brasil desde o término da Copa do Mundo. Na primeira atualização do ranking após o Mundial, quando terminou na quarta colocação, a seleção brasileira apareceu em sétimo lugar com 1.241 pontos.

Atual campeã mundial, a Alemanha continua na liderança com 1.687 pontos, seguida da Argentina com 1.490 pontos.

No top cinco do ranking mundial, outra novidade é a Bélgica, que ganhou uma posição e agora é a terceira colocada, com 1.457 pontos.

RIVAIS DA COPA AMÉRICA

Dos três adversários do Brasil na Copa América, que começa em junho, dois caíram no ranking da Fifa. A Colômbia caiu para o quarto lugar, com 1.412. Já o Peru despencou cinco colocações e agora é o 64º colocado com 526 pontos.

Já a Venezuela subiu três lugares e agora está em 69º, com 495 pontos.

Leia tudo sobre: brasilchilefrançaholandaseleçoesrankingfifa