Levir Culpi espera resolução rápida de negociações nos bastidores

Diretoria atleticana tem como principal frente no momento a contratação do atacante santista Thiago Ribeiro

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Levir assumiu a responsabilidade de tratar do caso do jogador
Flickr/Atlético
Levir assumiu a responsabilidade de tratar do caso do jogador

Enquanto monitora alguns nomes no mercado, o Atlético tem como principal frente no momento a contratação de Thiago Ribeiro junto ao Santos. Ainda sem ter a certeza oficial de quando poderá contar com o atacante, o técnico Levir Culpi espera que as negociações nos bastidores se encerrem o mais rápido possível para que ele tenha mais tranquilidade para acionar os atletas que têm à disposição.

"A negociação está em aberto. Se for positivo para o Atlético e for consultado, existe a possibilidade da saída e chegada de jogadores. Não estamos com o elenco fechado. Quatro ou cinco jogadores estão flutuando nessa situação. Isso é ruim porque o jogador não fica com a cabeça só no Galo. Já está pensando em outra cidade e na família. Acho uma situação delicada e tem que ser resolvida rápido", afirmou Levir.

Uma provável saída é do volante Pierre, que tem o Fluminense como interessado. Outro que tende a deixar a Cidade do Galo é o meia Giovanni Augusto, que pode ir para o Santos na negociação por Thiago Ribeiro.

O meio-campista deve desistir da ação na Justiça contra o Galo - ele indica que seu contrato termina

em maio, enquanto o Atlético alega que poderia estender o acordo até dezembro - para ir rumo à Baixada Santista.

Levir Culpi assegura que o clube pode negociar qualquer jogador, apontando o profissionalismo da diretoria alvinegra.

"Eu libero qualquer jogador do Atlético; o Victor, o Pratto, o Marcos (Rocha), qualquer um. Porque a gente faz futebol profissional. Você pode ficar sem um jogador e pode contratar outro na mesma qualidade", finalizou.

Leia tudo sobre: atleticogalolevir culpi