Djokovic bate Isner e enfrentará Murray na final do Masters de Miami

Decisão acontece às 14h (de Brasília) deste domingo entre o atual número 1 do mundo e o tenista escocês

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Atual número 1 do mundo, o sérvio Novak Djokovic bateu o americano John Isner nesta sexta-feira (3) e chegou pela sexta vez à final do Masters 1.000 de Miami. Djokovic venceu o número 22 do mundo por 2 sets a 0, parciais de 7/6 (7/3) e 6/2, e enfrentará Andy Murray na final.

Nesta tarde, o escocês venceu o tcheco Tomás Berdych também por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/4. Caso seja campeão em Miami, o sérvio chegará ao 22ª título de Masters em sua carreira, aproximando-se assim do espanhol Rafael Nadal (27) e do suíço Roger Federer (23).

O primeiro set teve uma hora de duração e foi bastante disputado. Djokovic venceu no tie-break graças a 19 erros não forçados do adversário.

Depois do primeiro set, o sérvio precisou de apenas meia hora para encerrar a partida. Neste ano, Djokovic e Murray se enfrentaram duas vezes, primeiro na final do Aberto da Austrália e depois na semifinal do Masters de Indian Wells. O sérvio venceu nas duas ocasiões.

Neste domingo (5), a final começará às 14h (de Brasília), com transmissão do SporTV2.

Leia tudo sobre: tenisdjokovicmurray