Cerca de 300 católicos vão à missa de unção dos enfermos

Dom Walmor celebrou a data no santuário de São Judas Tadeu

iG Minas Gerais | Bárbara Ferreira |

Fé. Fiéis se emocionaram quando dom Walmor deu bênção em cada um dos idosos e enfermos
DENILTON DIAS / O TEMPO
Fé. Fiéis se emocionaram quando dom Walmor deu bênção em cada um dos idosos e enfermos

A Semana Santa já começou para os católicos, que nesta terça-feira celebraram a unção dos enfermos, com homenagens a idosos e doentes que buscam a cura. Durante a tarde, o arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, celebrou missa no santuário de São Judas Tadeu, no bairro da Graça, na região Nordeste de Belo Horizonte. Cerca de 300 pessoas estiveram no local e ouviram o líder religioso explicar que esse período é especial, um tempo de espiritualidade e celebrações.

Vários fiéis se emocionaram durante uma bênção especial, feita pelo bispo em cada um dos idosos e enfermos presentes. “Essa celebração é uma forma de oferecer mais esperança para todo mundo, e a gente consegue ter sabedoria para entender os problemas da vida. Eu sempre participo da programação da Semana Santa”, comentou a aposentada Maria Moreira Alves, 63, que estava na missa.

A celebração também contou com a bênção das águas, em que os fiéis colocam garrafas com o líquido na lateral do altar e, após o fim da cerimônia, a levam para casa. “A água é um grande dom de Deus. Abençoada, ela se torna um dom especial para os idosos, para os enfermos e para a casa. Por isso fazemos esse rito”, explicou dom Walmor.

Em outro momento da missa, realizada no santuário de São Judas Tadeu por escolha do próprio arcebispo, os presentes se direcionaram a uma imagem do santo para uma oração em homenagem a ele. “Frequento a paróquia de são Judas há muitos anos. Como hoje (ontem) é dia da unção dos enfermos e também o dia do meu aniversário, vim ao santuário pedir saúde e paz para mim e toda a minha família”, relatou o militar reformado, Joaquim Rabelo de Oliveira, 80, que estava acompanhado do filho.

As atividades da semana santa continuam em várias paróquias, até o domingo, quando é celebrada a Páscoa (leia mais no infográfico ao lado).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave