Aparelho reage a post em rede social

Essa placa é programada para controlar uma enorme variedade de coisas

iG Minas Gerais | ISIS MOTA |

Placa Galileo permite que uma máquina obedeça um comando dado via Twitter
Intel/Divuilgação
Placa Galileo permite que uma máquina obedeça um comando dado via Twitter

São Paulo. Já imaginou acionar a cafeteira no caminho de casa, e ter um café fresquinho te esperando quando chegar? Pois com a evolução da internet das coisas, isso vai ser comum. A Intel começará a vender no Brasil no fim deste ano a placa de desenvolvimento Galileo. “Essa placa é para o tipo de pessoa do ‘faça você mesmo’”, comenta o diretor de inovação da Intel Brasil, Max Leite, referindo-se, por exemplo, a estudantes e entusiastas da eletrônica, além da indústria em si.  

Essa placa é programada para controlar uma enorme variedade de coisas. Pode ter aplicações simples, como acender as luzes de casa antes de você chegar, até funções que ainda nem imaginamos. Tudo pela internet.

Teste. A Intel demonstrou no Brasil exemplos de programação da Galileo. Uma placa foi conectada a uma máquina de bolhas de sabão. A reportagem conferiu: bastou escrever no Twitter qualquer coisa com a hashtag #IntelFutureShowcase para começar a soltar bolhas. A placa vai custar US$ 60, e universidades têm acesso facilitado.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave