Dupla é presa escondendo 40 kg de maconha em laboratório do tráfico

Um dos detidos afirmou trabalhar na refinaria do entorpecente, já o outro alegou ser dono do imóvel e ter alugado o local, no valor de R$ 300, para um traficante da região

iG Minas Gerais | CAMILA KIFER |

Polícia apreende 40 kg de maconha em laboratório do tráfico em Venda Nova
Divulgação / PM
Polícia apreende 40 kg de maconha em laboratório do tráfico em Venda Nova

Uma dupla foi presa na tarde desta sexta-feira (26) após ser flagrada em um laboratório do tráfico no bairro Lagoa, na região de Venda Nova, em Belo Horizonte, onde estava escondido 40 kg de maconha. Conforme informações da Polícia Militar (PM) um dos detidos afirmou trabalhar para um traficante da Vila Nossa Senhora Mãe dos Pobres. O outro preso afirmou ser o dono do imóvel e ter alugado o local por R$  300. Após uma denúncia anônima, militares do 49º Batalhão montaram uma campana na rua Antônio da Costa, onde observaram um homem jogando uma sacola, que ficou constatado posteriormente que estava cheia de maconha, em cima do telhado da residência. Em seguida, o suspeito fugiu.

Depois de duas horas, W.R.S, de 24 anos, entrou no imóvel e acabou detido. Em depoimento, ele confirmou estar trabalhando na refinaria da droga para um traficante conhecido como Betão. Segundo ele, o bandido assumiu a boca de fumo da favela após a morte de outro traficante, conhecido como Aranha. Ainda conforme relatos do jovem, a droga era refinada no local, que foi alugado, e em seguida, era vendida na vila.

Militares continuaram no imóvel e horas depois prenderam o proprietário do local. W.T.Z.A. de 24 anos, afirmou ter alugado a residência para o traficante. Ele recebia R$ 300 por mês para deixar o laboratório funcionar em seu imóvel.

Dentro do único quarto da casa, a polícia encontrou material para dolagem e 40 kg de maconha. Além disso, a sacola jogada no telhado da casa também continha entorpecentes.

A ocorrência foi encerrada na Central de Flagrantes da Polícia Civil de Belo Horizonte. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave