Goulart se coloca à disposição para atuar como centroavante na seleção

Apesar do discurso, meia-atacante da Raposa, um dos estreantes no Brasil, atuou no meio-campo em primeiro treino

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Ricardo Goulart ganha primeira chance entre os titulares do Brasil em treino, mas atua no meio-campo
Rafael Ribeiro/CBF
Ricardo Goulart ganha primeira chance entre os titulares do Brasil em treino, mas atua no meio-campo

O técnico Dunga pretende “modernizar” o estilo de jogo da seleção brasileira e, para isso, sequer convocou um centroavante de ofício para os amistosos com Colômbia e Equador. Nos Estados Unidos, local dos confrontos, um novato com a “amarelinha” se coloca à disposição para realizar tal papel em campo. Trata-se do cruzeirense Ricardo Goulart, titular no primeiro treino visando os compromissos do Brasil na América do Norte.

Apesar da vontade demonstrada pelo jogador, na atividade desta terça-feira, no estádio da Universidade Internacional da Flórida (FIU), Goulart foi escalado no meio-campo, ao lado de Elias, Oscar e Philippe Coutinho.

"Isso (posicionamento) vem de treinamento. Treinadores que peguei até agora sempre me ajudaram e cobraram entrada na área. Nos jogos, tento executar para que as coisas possam acontecer. Quem está na área tem mais chance de fazer o gol. Me aprimoro a cada treinamento e tento entrar sempre na área, porque se a bola sobrar", comentou Goulart em entrevista ao portal de esportes da Folha de S. Paulo.

Um dos novatos da seleção brasileira explicou os motivos que o levaram a desempenhar papel de centroavante em alguns jogos. “A passagem para jogar quae como centroavante foi rápida. No futebol brasileiro você tem um pouco mais de facilidade para diversificar, acho que no europeu é mais tático, com duas linhas de quatro. Isso ajuda”, disse.

O Brasil enfrenta nesta sexta-feira, em Nova Jérsei, a Colômbia. No dia 9 a missão será diante do Equador, no mesmo local. 

Leia tudo sobre: cruzeiroraposaricardo goulartseleção brasileiradungaequadorcolombia