Partido Militar Brasileiro colhe assinaturas em protesto

Dos 600 formulários levados pelo grupo ao local, na manhã de hoje, todos já tinham sido preenchidos até as 13h

iG Minas Gerais | Luciene Câmara |

Cidadades - Belo Horizonte -  Minas Gerais
Manifestacao a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff e fora o partido PT , em Belo Horizonte na praca da Liberdade .

Foto: Uarlen Valerio / O Tempo 15-03-2015
UARLEN VALERIO / O TEMPO
Cidadades - Belo Horizonte - Minas Gerais Manifestacao a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff e fora o partido PT , em Belo Horizonte na praca da Liberdade . Foto: Uarlen Valerio / O Tempo 15-03-2015

No meio da multidão na praça da Liberdade, em Belo Horizonte, integrantes do Partido Militar Brasileiro (PMB) colhiam assinaturas entre os manifestantes para poder formalizar a legenda no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Dos 600 formulários levados pelo grupo ao local, na manhã de hoje, todos já tinham sido preenchidos até as 13h. “Faltou ficha para tanta gente. O TRE exige cerca de meio milhão de assinaturas para a formalização do partido, já temos quase isso”, disse o presidente do PMB em Minas, Diogo Fernandes, que é empresário.

Ele disse que a ideia do partido, formado por militares, não é promover um golpe, mas, sim, reforçar valores como honra à pátria, família, ética. “Queremos defender a Constituição e lutar pelo direito da população”, completou. Segundo Fernandes, o partido pretende estar registrado no TRE até o meio do ano e lançar candidatura em 2016.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave