Hamilton vence, Massa é quarto e Nasr faz história

Enquanto o piloto da Mercedes não teve problemas, Massa perdeu o pódio por estratégia nos boxes; em quinto, Nasr é o melhor estreante brasileiro da história

iG Minas Gerais |

Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio da Austrália
STUDIO COLOMBO/ PIRELLI MEDIA
Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio da Austrália
O inglês Lewis Hamilton venceu de ponta a ponta o Grande Prêmio da Austrália de Fórmula 1, disputado em Melbourne. A prova abriu a temporada 2015 da principal categoria do automobilismo mundial e foi amplamente dominada pela Mercedes. Tanto que só Hamilton e seu companheiro, Nico Rosberg, que terminou em segundo, esboçaram qualquer chance de vencer. O inglês, no entanto, controlou o alemão, apertando o ritmo a cada vez que o companheiro se aproximava um pouco mais. Os brasileiros começaram bem a temporada. Felipe Massa, embora não tenha conseguido chegar ao pódio, registrou um relevante quarto lugar, atrás apenas das Mercedes e da Ferrari de Sebastian Vettel, que ganhou sua posição nas estratégias de boxes.  Mas impressionante mesmo foi a participação do outro brasileiro. Felipe Nasr, que terminou em quinto lugar logo em sua primeira corrida na carreira. É a melhor colocação de um brasileiro estreante na história da categoria. A prova foi conturbada, com apenas 15 carros largando e só 11 completando. Além das duas Manor Marussia, que sequer treinando, uma McLaren, com Kevin Magnussen, uma Williams, com Valteri Bottas, e uma Red Bull, com Daniil Kyviat, não largaram. Magnussen estourou o motor quando ia para o grid, assim como Kyviat. Bottas não foi liberado pelos médicos, por conta de pequenas lesões nas costas. Além dos que não largaram, tiveram problemas e não cruzaram a linha de chegara Kimi Raikkonen, da Ferrari, com problemas na fixação de uma roda na segunda para nos boxes, Max Verstappen, com problemas mecânicos na Toro Rosso, e os dois carros da Lotus. Pastor Maldonado foi atingido na primeira volta em uma disputa com Nasr e Raikkonen. Já Romain Grosjean abandonou por problemas não revelados pela Lotus.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave