Globo fará capítulos do filme

iG Minas Gerais | LUCAS SIMÕES |

Pedro Paulo Figueiredo/CZN
undefined

A escolha de uma Elis Regina para o cinema atraiu mais de 2.000 candidatas durante as audições para o papel em São Paulo, no decorrer do mês de janeiro. Apesar de o diretor Hugo Prata ainda não revelar quem viverá Elis na telona, nos bastidores é dado como quase certo o nome de Andreia Horta, que participou da novela global “Império”. “A escolha está praticamente definida”, diz o diretor em mistério.

O fato é que, diferente da montagem “Elis, A Musical”, em que a atriz Laila Garim foi aclamada com o Prêmio Shell pela exibição teatral e extensão vocal impecável, a intérprete de Elis no cinema não precisará cantar. “No musical a Laila nem era parecida com a Elis, tinha cabelos ruivos e olhos azuis. No filme, não dá. Tem que ser alguém mais parecido, mas o canto é dispensável porque vão entrar os áudios originais de Elis”, elucida Prata.

Segundo João Marcelo Bôscoli, depois do lançamento do filme, em 2016, a ideia é que a Globo edite uma série em capítulos do longa – assim como aconteceu com o filme “Tim Maia”, criticado por maquiar, na televisão, a relação entre o Síndico e Roberto Carlos. “Com certeza se houver isso (série), vou estar por dentro de todo o processo de criação e edição”, frisa Prata.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave