Arte e multiculturalismo

Festa promete agitar a Benfeitoria hoje

iG Minas Gerais | lucas buzatti |

Venga Venga. 
Dupla de DJs pesquisa música cigana e dos Balcãs e propõe o intercâmbio artístico
Guilherme Castoldi
Venga Venga. Dupla de DJs pesquisa música cigana e dos Balcãs e propõe o intercâmbio artístico

Esqueça aquela noção preconcebida de pista de dança, em que o público ensaia passos tímidos, cada um na sua, enquanto um DJ comanda a pick-up do alto de um púlpito. A ideia da Venga Venga!, dupla de arte e pesquisa musical de São Paulo, é exatamente subverter esse conceito, transformando a pista em um “caldeirão místico” onde dança, world music e performance se misturam. Formada pelos DJs Denny Azevedo e Ricardo Don, a dupla é uma das atrações da festa Mientras Dura, que acontece hoje, na Benfeitoria, pela primeira vez em Belo Horizonte.

Nascida em 2012, a Venga Venga! pesquisa a música cigana e étnica, explorando suas conexões com a MPB, o rock, o folclore e a psicodelia. “A pesquisa parte da ideia de que os ciganos deixaram e arrecadaram influências por onde passaram. Então, além da música cigana de origem, da Índia, das Arábias, dos Balcãs, exploramos diferentes ligações. A Índia com música folclórica brasileira, por exemplo”, explica Ricardo Don, que é mineiro de Poços de Caldas.

Empolgado em tocar pela primeira vez em Belo Horizonte, Don ressalta que as festas da Venga Venga! vão além da sonoridade exótica. “A gente traz uma proposta de interação do público. As pessoas não vão dançar sozinhas, mas umas com as outras. Tem o momento da ciranda, da roda. Os rituais de dança, as maquiagens”, diz.

Idealizador da Mientras Dura, Breno de Oliveira conta que a intenção é promover um espaço livre de expressão artística, por meio do diálogo com coletivos locais de música como Omoloko e Kassubodi, que pesquisam a música afrobrasileira e africana. “A festa tem toda uma ambientação, uma decoração que dá o clima que queremos proporcionar”, explica. A Mientras Dura contará, ainda, com números de dança cigana, performance afro e apresentação de malabares.

Agenda

O quê. Festa Mientras Dura

Quando. Hoje, a partir das 19h

ONDE. Benfeitoria (rua Sapucaí, 153, Floresta)

QUANTO. R$ 25

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave