Meirelles defende flutuação

iG Minas Gerais |

Rio de janeiro. O ex-presidente do Banco Central (BC) e presidente do conselho de administração da J&F Investimentos Henrique Meirelles defendeu ontem, o câmbio flutuante, ao afirmar que o equilíbrio deve ser acertado normalmente. “E vamos lidar com as consequências”, afirmou. Meirelles recusou-se a estimar se o nível atual do dólar já seria o de equilíbrio, mas comentou que “"a tendência é de depreciação”, embora a alta de 7% apenas nesta semana não estivesse nas projeções.

Segundo Meirelles, há razões externas e domésticas para a valorização do dólar. Ele também chamou atenção para o boom nos preços das commodities desde os anos 2000.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave