Interior idílico e convidativo

iG Minas Gerais | Andréa Juste |

Irlanda Ar de veraneio até em uma lojinha de música em Dingle - Foto Andrea Juste
Irlanda Ar de veraneio até em uma lojinha de música em Dingle - Foto Andrea Juste

O interior da Irlanda é um espetáculo à parte. Viajar de trem é uma ótima opção para se apreciar lagos, montanhas e casinhas que parecem fazendas, onde moram criadores de ovelhas e produtores locais. Quem aluga um carro tem maior liberdade para tirar fotos e até para passar a noite nas pequenas cidades que encontra pelo caminho.

Um dos passeios inesquecíveis é à antiga vila de pescadores Dingle, localizada na península de mesmo nome, no sudoeste da ilha, banhada pelo oceano Atlântico. Para chegar a Dingle, hoje forte ponto turístico, é preciso pegar um trem para Tralee e, então, um ônibus.

Cara de verão

Em uma região chuvosa e de clima traiçoeiro, é até curioso que haja uma cidade com tanto ar de veraneio. E é raridade entrar em um pub onde não se escuta música irlandesa ao vivo. E, de quebra, apreciar vodca, uísque e gin locais.

A cidade também oferece hospedagem para todo tipo de público – de albergues (a partir de € 20 ou R$ 66 a diária) a sofisticadas pousadas, como a luxuosa Milltown House Dingle (a partir de € 69 ou R$ 228 a diária).

Além disso, empresas e guias particulares fazem passeios pela península (€ 50 ou R$ 165 pelo tour particular), uma oportunidade de se aventurar em estradas estreitas e ver de perto a natureza local.

Há também um passeio de barco (€ 16 ou R$ 53) para que os visitantes tentem ver Fungie, o famoso golfinho local.

Em Dingle

Pub: Vá ao O’Sullivan’s Courthouse Pub para ouvir a mais pura música irlandesa e peça uma Guinness.

Destilaria: Dingle tem sua própria destilaria, com uma vodca batizada com o nome da cidade. Visite o site http://www.dingledistillery.ie.

Diversidade de atrações, crenças e costumes

Folclore: Arco-íris em Dingle lembra o leprechaun, o gnomo irlandês que guarda tesouros escondidos

Gaélico: No país, as placas são em inglês e em gaélico, mas há regiões em que a língua irlandesa prevalece

Emoção: Tour pela Península de Dingle, com belos cenários, ainda tem emoção de pistas estreitas

Ícone: Junto com o leprechaun, figura folclórica, e o trevo, a ovelha é um dos símbolos do país

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave