Comissão Extraordinária das Mulheres é criada na ALMG

Objetivo é propor ações que contribuam para maior participação feminina na política, eliminação da violência e autonomia econômica da mulher

iG Minas Gerais | Da Redação |

A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) acaba de criar a Comissão Extraordinária das Mulheres para tratar dos assuntos que dizem respeito à garantia da igualdade de gênero e combate à discriminação das mulheres, a eliminação de todas as formas de violência, o aumento da representação feminina na política, emancipação e autonomia econômica da mulher.

A decisão da Mesa sobre a nova comissão foi lida na Reunião Ordinária de Plenário dessa quarta-feira (11).

A Comissão Extraordinária das Mulheres vai atuar ao longo do primeiro biênio da atual legislatura, devendo ao final desse período apresentar relatório de estudos e atividades, como audiências e debates públicos, visitas técnicas e reuniões com convidados, inclusive em conjunto com outras comissões permanentes da ALMG quando o tema em estudo for pertinente.

A comissão terá como presidente a deputada Rosângela Reis (Pros) e como vice a deputada Celise Laviola (PMDB). Os demais membros efetivos da comissão são as deputadas Marília Campos (PT), Arlete Magalhães (PTN) e lone Pinheiro (DEM). Como suplentes, a comissão terá as deputadas Geise Teixeira (PT), Cristina Corrêa (PT) e os deputados Dalmo Ribeiro Silva (PSDB), Wander Borges (PSB) e Inácio Franco (PV).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave