Pelé aprova efetivação de técnico Marcelo Fernandes

Para o ex-atleta, o clube começou bem na escolha pelo profissional formado no próprio Peixe

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Além de comentar novo comandante santista, o ex-jogador brincou com a presença do filho dele, Edinho, na comissão técnica do Peixe
Reprodução Facebook
Além de comentar novo comandante santista, o ex-jogador brincou com a presença do filho dele, Edinho, na comissão técnica do Peixe

Efetivado como técnico do Santos nesta quinta-feira (12), Marcelo Fernandes ganhou apoio do maior ídolo da história do clube: Edson Arantes do Nascimento. Durante um evento no Museu Pelé, o Rei do Futebol foi direto sobre a escolha da diretoria.

"Marcelo Fernandes é cria nossa e já começou bem", disse Pelé, ao ser questionado se aprovava a escolha.

O escolhido da diretoria santista está no clube desde 2011. Trabalhou nas comissões técnicas de Muricy Ramalho, Claudinei Oliveira, Oswaldo de Oliveira e Enderson Moreira, a quem substituiu na última quinta-feira (5), após o mineiro ser demitido.

Fernandes dirigiu o Santos em dois jogos e foram duas vitórias: 3 a 0 no Botafogo, em Ribeirão Preto, no domingo (8), e 2 a 1 no Palmeiras, na Vila Belmiro, na quarta-feira (11).

"Fizemos a escolha que o grupo desejava. Tanto os jogadores como a diretoria eram a favor da continuidade do Marcelo. Ele não ganhou do Dorival júnior, do Vagner Mancini nem de outros como vocês [jornalistas] noticiam. Ele foi aprovado", disse o presidente santista, Modesto Roma Jr., também presente no evento.

VIBRAÇÃO POR EDINHO

Pelé ficou sabendo da efetivação de Marcelo Fernandes durante o evento no Museu Pelé. Foi quando o jornalista Mauro Beting, o mediador, perguntou ao presidente santista quem seria o novo treinador do Santos. A resposta surpreendeu Pelé.

"É Marcelo Fernandes, Sérgio Belarmino [o Serginho Chulapa] e Edson Cholbi Nascimento [o Edinho, filho de Pelé]", disse Roma Jr.

"O Edinho está nessa?", questionou Pelé. "Então, é bom gravar para depois o presidente não falar que se equivocou", completou, aos risos.

Edinho já faz parte da comissão técnica permanente do Santos desde 2007. Inicialmente foi preparador de goleiros, mas nos últimos anos já atuava como um dos auxiliares técnicos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave