Fracassa manobra do PMDB contra veto

Os peemedebistas costuraram a derrubada do veto nos bastidores, com o apoio de alguns petistas, surpreendendo o governo. Ministros entraram em campo e a pressão deu certo

iG Minas Gerais |

Brasíla. O PMDB tentou impor ontem mais uma derrota à presidente Dilma Rousseff no Congresso, mas a articulação acabou fracassando. O partido liderou manobra para derrubar veto de Dilma à prorrogação de um acordo entre a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), subsidiária da Eletrobrás, e indústrias de energia do Norte e Nordeste – que garantia o repasse de energia elétrica mais barata a essas indústrias. O presidente do Senado, Renan Calheiros, foi o principal articulador da tentativa de derrubada do veto.

A Câmara chegou a derrubá-lo, mas o Senado manteve. Os peemedebistas costuraram a derrubada do veto nos bastidores, com o apoio de alguns petistas, surpreendendo o governo. Ministros entraram em campo e a pressão deu certo. Após 10 horas de sessão, ontem, o Congresso manteve o veto da presidente ao projeto que reajustava a tabela do imposto de renda em 6,5%. O Orçamento de 2015 ficou para a próxima terça-feira, 17.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave