Parentes visitam australianos em ilha

Os dois homens foram transferidos na semana passada para a Ilha de Nusakambangan. A Austrália faz uma campanha diplomática para tentar impedir as execuções

iG Minas Gerais |

Cilacap, Indonésia. Parentes de dois australianos condenados por tráfico de drogas, que se encontram no corredor da morte na Indonésia, viram-os pela primeira vez na segunda-feira, na ilha onde serão executados em breve.

Myuran Sukumaran e Andrew Chan, no corredor da morte desde 2006, condenados como integrantes do chamado Grupo dos Nove, que se dedicava ao tráfico de heroína da Ilha de Bali para a Austrália, devem ser executados dentro de pouco tempo pelo pelotão de fuzilamento. Eles tiveram recentemente negado o pedido de clemência presidencial, que é normalmente a última alternativa para evitar a execução.

Os dois homens foram transferidos na semana passada para a Ilha de Nusakambangan. A Austrália faz uma campanha diplomática para tentar impedir as execuções.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave