Ex-namorada de CR7 diz que se sentia 'feia' e 'insegura'

A modelo russa, Irina Shayk e o jogador do Real Madrid terminaram o relacionamento de cinco anos em janeiro

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Quem disse que não se pode ter sorte no jogo e no amor, né, Cristiano Ronaldo?
Reprodução/Facebook
Quem disse que não se pode ter sorte no jogo e no amor, né, Cristiano Ronaldo?

Passados dois meses após o fim do romance com o craque do Real Madrid, Cristiano Ronaldo, a modelo Irina Shayk resolveu revelar um pouco sobre o relacionamento entre os dois. A russa de 29 anos afirmou que CR7 não era o homem ideal e que se sentia feia ao lado dele. 

“Pensei que havia encontrado o homem ideal. Mas não. Penso que uma mulher se sente feia quando tem o homem errado ao seu lado. Eu me sentia feia e insegura”, afirmou a modelo em entrevista à revista espanhola "Hola".

Os boatos de que os dois haviam terminado surgiram no início de janeiro, quando a modelo postou uma foto comemorando o aniversário sozinha, enquanto Cristiano estava em Madrid. Irina também não acompanhou o jogador no prêmio Bola de Ouro, em que o craque venceu como o melhor do mundo, o que intensificou os rumores.

Após o termino do romance de cinco anos, que foi anunciado em janeiro e justificado como “o melhor para ambos”, Irina decidiu focar apenas no trabalho como modelo. Mas o sonho de encontrar o homem ideal também não foi deixado de lado.

“Meu homem ideal é fiel, honesto e um cavalheiro que sabe como tratar uma mulher. Não acredito nos homens que nos fazem sentir infelizes porque esses são meninos, não homens”, concluiu.   

Leia tudo sobre: irina shaykcristiano ronaldoreal madridmodelorussarelacionamento