Grupo de Atingidos por Barragens ocupa Assembleia Legislativa em BH

Integrantes do movimento ficarão no local até a próxima sexta (14); polícia acompanha o ato, que segue pacífico

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Cerca de 300 integrantes do Movimento dos Atingidos por Barragens ocupam a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), no bairro Santo Agostinho, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, na manhã desta quarta-feira (11). Eles ficarão no local por três dias.

De acordo com a assessoria de imprensa da assembleia, o grupo participa de uma audiência pública com a Comissão dos Direitos Humanos para debater a violação dos direitos sociais dos atingidos por barragens e atividades de mineração no Estado.

A ocupação é pacífica e acompanhada por militares do 1º Batalhão de Polícia Militar. A previsão é que eles deixem o espaço na próxima sexta-feira (14) e se encontrem com integrantes do Movimento de Trabalhadores Sem Terra (MST).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave