Mundo do esporte lamenta tragédia

As filmagens haviam começado em fevereiro em Ushuaia, no extremo sul do continente americano, na Patagônia argentina

iG Minas Gerais |

Paris, fFrança. O anúncio da morte de Muffat, campeã nos 400 metros livre e medalhista de prata nos 200 m nos Jogos Olímpicos de Londres-2012, do boxeador Vastine, medalhista de bronze em Pequim-2008, e de Arthaud, uma veterana navegadora conhecida como “a noiva do Atlântico”, comoveu a França. O grupo Bouygues, proprietário do canal TF1, e seu presidente Martin Bouygues, afirmaram estar chocados com o acidente.

O grupo TF1 também anunciou sua “imensa tristeza” e que se une à dor das famílias e amigos. O Comitê Olímpico Internacional (CIO) afirmou que está “consternado” com o acidente, enquanto a Federação Internacional de Natação (FINA) expressou “imensa tristeza”. As filmagens haviam começado em fevereiro em Ushuaia, no extremo sul do continente americano, na Patagônia argentina. O programa, que tinha exibição prevista para o verão (hemisfério norte, inverno no Brasil), reunia oito atletas franceses. Todos enfrentariam desafios na natureza.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave