CR7 é o maior artilheiro da história das competições europeias

Cristiano Ronaldo bateu recordes de Raúl e igualou marca de Messi com gols sobre o Schalk 04, nesta quarta

iG Minas Gerais | AFP |

Cristiano apresenta a chuteira de ouro, mais um prêmio que faturou em sua carreira
Reprodução Facebook Real Madrid
Cristiano apresenta a chuteira de ouro, mais um prêmio que faturou em sua carreira

O astro português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, alcançou mais uma marca histórica nesta terça-feira ao se tornar o artilheiro absoluto das competições europeias de clubes, com 78 gols marcados, um a mais que outro ídolo 'Merengue', o ex-atacante Raúl.

De quebra, CR7 também igualou outro recorde, que pertence ao seu maior rival, o argentino Lionel Messi, do Barcelona, ao somar os mesmos 75 gols na Liga dos Campeões.

CR7 anotou seus gols de número 77 e 78 em competições europeias no estádio Santiago Bernabéu, no duelo contra o Schalke 04, válido pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

O primeiro saiu aos 24 minutos de jogo, quando o craque luso subiu mais alto que tudo mundo para cabecear para as redes numa cobrança de escanteio de Kroos, empatando a partida em 1 a 1, quatro minutos depois de Christian Fuchs abrir o placar para os visitantes.

O holandês Huntelaar fez mais um aos 40, mas CR7 quebrou o recorde de Raúl ao deixar tudo igual novamente, também de cabeça, nos acréscimos da primeira etapa, ao receber um cruzamento do compatriota Fábio Coentrão.

Por ironia do destino, esse dois gols foram justamente marcados contra o clube alemão onde Raúl encerrou sua carreira na Europa, em 2010.

No dia 12 de janeiro, Cristiano conquistou a Bola de Ouro pela terceira vez na carreira, depois de 2008 e 2013.

Desde então, porém, seu rendimento caiu drasticamente e o Real deixou de ser líder isolado do Campeonato Espanhol no última semana, sendo ultrapassado pelo Barça de Messi.

Como CR7 tem 30 anos e Messi 27, a expectativa é de que o duelo à distância pela artilheria histórica na Europa continue por um bom tempo, e que um deles ultrapasse a incrível marca de 100 gols em competições continentais.

O argentino terá a oportunidade de responder na semana que vem, no dia 17 de março, contra o Manchester City. O Barça leva vantagem por ter vencido o primeiro jogo por 2 a 1, na Inglaterra.