Site do Tesouro Direto estreia e atrasa abertura de negócios

Com o aumento das incertezas na política e na economia, investidores tendem a exigir juros mais altos para comprar títulos públicos, o que dificulta os acertos diários com o Tesouro

iG Minas Gerais | Folhapress |

Na estreia de uma reformulação destinada a facilitar as operações dos investidores, o Tesouro Direto precisou atrasar a abertura dos negócios em razão do nervosismo na economia.

O site oficial, que permite a compra e venda de títulos da dívida federal, não iniciou as transações às 9h, como de costume. Segundo a Fazenda, o motivo foi a "volatilidade" do mercado, e o movimento foi normalizado às 11h39.

Com o aumento das incertezas na política e na economia, investidores tendem a exigir juros mais altos para comprar títulos públicos, o que dificulta os acertos diários com o Tesouro.

O ministério informou que atrasos como o desta terça-feira (10) não são novidades e podem ocorrer em momentos de maior dispersão das taxas pedidas pelos credores.

O Tesouro Direto já opera com as alterações programadas, que incluem a troca do nome dos títulos negociados e mais incentivos para que as instituições financeiras ofereçam o acesso ao serviço.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave