Jack Nicholson enfrenta estágio avançado de Alzheimer, diz revista

"Ele não se lembra mais nem quem é", revelou fonte que diz que ator luta contra perda de memória e que deve se aposentar em decorrência desse problema

iG Minas Gerais | GUILHERME ÁVILA |

Jack Nicholson ainda é o ator mais indicado ao Oscar de todos os tempos: doze vezes
Reprodução
Jack Nicholson ainda é o ator mais indicado ao Oscar de todos os tempos: doze vezes
Segundo a revista "Star", o ator Jack Nicholson enfrenta um estágio avançado do Mal de Alzheimer. "Agora ele vive recluso dentro de sua casa e simplesmente não se lembra mais nem quem é. Para Jack parar de trabalhar em tudo é um enorme sinal vermelho para seus amigos, que estão com muito medo", revelou uma fonte da publicação, acrescentando que essa verdadeira lenda de Hollywood, de 77 anos, deve se aposentar em decorrência desse problema.   Em 2013, Nicholson desistiu de participar de uma comédia por não conseguir memorizar nenhuma das falas. Os rumores sobre a doença foram confirmados em novembro de 2015, quando foi feita uma exposição de fotos sobre a banda Rolling Stones, uma das poucas vezes que foi visto em público recentemente. Embora tenha cumprimentado com afeto seu amigo Mick Jagger, ele já não se lembrava das festas que havia participado ao lado do músico nos anos 70.   Por outro lado, outra fonte do programa "E! Online" afirmou nesta quarta (4) que essas informações não procedem e que, apesar de não ter projetos futuros no cinema, o ator não sofre de nenhuma doença mental ou demência no momento. Doze vezes indicado ao Oscar, Jack Nicholson já ganhou os prêmios de melhor ator pelos filmes "Um Estranho no Ninho" (1975) e "Melhor É Impossível" (1997). No entanto, sua primeira estatueta da Academia veio em 1983, com o Oscar de melhor ator coadjuvante por "Laços de Ternura".  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave