Criticado, vereador dá tapa na cara de morador na Câmara de Franca

A agressão do parlamentar Luiz Vergara (PSB) ocorreu após ele ter sido questionado por moradores que acompanhavam o debate no Legislativo local

iG Minas Gerais | Folhapress |

Um vereador de Franca (a 400 km de São Paulo), líder do governo na Câmara, deu um tapa na cara de um marceneiro durante sessão da Casa na manhã desta terça-feira (3).

A agressão do parlamentar Luiz Vergara (PSB) ocorreu após ele ter sido questionado por moradores que acompanhavam o debate no Legislativo local.

Após ter sido questionado, Vergara (PSB) se dirigiu à plateia, onde estavam seus críticos, e agrediu o marceneiro Hélio Pinheiro Vissoto. O tapa dado pelo parlamentar -registrado em vídeo pelo Portal GCN- fez com que os óculos de Vissoto fossem arremessados a alguns metros de distância.

Após a agressão, nenhum vereador manifestou solidariedade ao marceneiro. Vergara é líder do governo do prefeito Alexandre Ferreira (PSDB), que tem maioria na Casa.

Segundo o Portal GCN, Vissoto questionava o fato de Vergara ter defendido um veto do prefeito a projeto que pretendia facilitar o acesso às informações da administração municipal.

'COMPORTAMENTO INADEQUADO'

A Folha de S.Paulo não conseguiu ouvir Vergara nesta quarta-feira (4). O presidente da Casa, Marco Garcia (PPS), disse, por meio de nota, que "repudia toda forma de agressão física", de forma que não concorda com a reação de Vergara.

"A meu ver, [o vereador] deveria ter agido de acordo com o que a lei determina para casos semelhantes".

Ainda conforme Garcia, Vissoto é conhecido na Casa pelo "comportamento inadequado e destempero comportamental com que aborda e critica os vereadores". O vereador afirmou que ele já agrediu verbalmente pelo menos seis parlamentares.

Ferreira foi procurado, mas sua assessoria informou que ele não comentaria o assunto. A reportagem apurou que a administração estuda a possível saída de Vergara do posto de líder do Governo.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave