5 milhões de famílias serão excluídas do Tarifa Social em 2015

As famílias que devem sair do programa não estão de acordo com as regras do programa, seja por erro no cadastramento ou mudança no perfil

iG Minas Gerais | da redação |

Buscando uma contenção de gastos e conter a inflação, o governo decidiu passar um pente fino no programa Tarifa Social, oferece descontos na conta de luz, e deve excluir cerca de 5 milhões de famílias do programa até o final de 2015.

Atualmente o 13,1 milhões de família são beneficiadas com descontos na tarifa de luz. Os beneficiários devem estar abaixo de uma determinada renda, de meio salário mínimo per capita, e de um consumo de energia, para que tenham direito ao programa.

As famílias que devem sair do programa não estão de acordo com as regras do programa, seja por erro no cadastramento ou mudança no perfil.

A exclusão dessas famílias deverá representar uma redução de cerca de R$ 600 milhões no custo do programa. A ação deve evitar aumentos no preço da luz.

O governo estima que o custo do projeto fique em R$ 2,17 bilhões, mas caso o aumento de energia se confirme acreditasse que o valor chegará a R$ 2,78 bilhões.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave