Tatuador é suspeito de estuprar cliente de 17 anos ao fazer tatuagem

Durante trabalho, homem teria passado a mão em um dos seios da garota; ele chegou a pedir desculpas e disse à mãe da vítima que isso nunca aconteceu anteriormente

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Um tatuador de 32 anos foi conduzido à delegacia suspeito de estuprar uma cliente de 17 anos durante o trabalho, nessa segunda-feira (2), em Uberaba, no Triângulo Mineiro. O homem teria passado a mão em um dos seios da vítima.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, a menor contou que sua mãe deu autorização para que ela pudesse fazer o desenho no corpo. Ela foi até o estúdio do profissional, localizado na rua Niterói, no bairro Santa Marta, e fechou o valor e começou a fazer a tatuagem, que se iniciaria no ombro e terminaria no tórax, próximo ao seio esquerdo da menina.

Nesse segundo, quando voltou para concluir a imagem, a garota contou que o homem pediu para limpar a área do corpo com um papel toalha. Nesse momento, ele teria passado a mão no seio da vítima sem a sua autorização.

A menina saiu do estúdio, foi em casa e retornou ao local com a sua mãe. O tatuador chegou a pedir desculpas e afirmou que nunca tinha acontecido isso com outra cliente. Ele foi levado para delegacia de plantão de cidade para prestar esclarecimentos.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave