Edição 2015 é lançada na capital

Objetivo é reconhecer aqueles que contribuem para uma sociedade mais solidária

iG Minas Gerais | dayse resende |

Parceria de sucesso. Na foto, os representantes da Fiemg, da Fundação Dom Cabral, da TV Globo Minas, e do jornal 
O TEMPO
Moisés Silva
Parceria de sucesso. Na foto, os representantes da Fiemg, da Fundação Dom Cabral, da TV Globo Minas, e do jornal O TEMPO

Foi dada a largada para a busca de pessoas que fazem a diferença na comunidade apenas pela satisfação de ver a felicidade do próximo. O prêmio Bom Exemplo, uma iniciativa da TV Globo Minas junto com a Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), a Fundação Dom Cabral (FDC) e o jornal O TEMPO, foi lançado nesta segunda, na sede da Fiemg, em Belo Horizonte. A solenidade reuniu empresários, representantes da sociedade civil e também de diversas entidades. O prêmio, que está em sua sexta edição, tem por objetivo reconhecer iniciativas e pessoas que, direta ou indiretamente, contribuem para a construção de uma sociedade mais solidária e cidadã. Nove categorias, assim como no último ano, serão contempladas na edição 2015 do prêmio. A categoria Cidadania destaca cidadãos que desenvolvem ações para a melhoria da qualidade de vida em suas comunidades. O Prêmio Bom Exemplo contempla também pessoas ou instituições que se destacaram nas áreas de Ciência, Cultura, Economia e Desenvolvimento de Minas, Educação, Esportes, Inovação e Meio Ambiente. Um prêmio especial é concedido à personalidade do ano. As indicações são feitas por instituições parceiras e vão até o dia 20 de março. A categoria Cidadania recebe inscrições apenas por meio da internet, no site www.globominas.com/premiobomexemplo. Os cinco finalistas, que serão conhecidos no dia 23 de março, irão a voto popular. “Mais do que nunca, temos que perseverar. O Brasil é muito melhor do que o judiciário, o governo. O Brasil é o seu povo. E nós não podemos perder a fé no povo brasileiro”, destaca o diretor regional da TV Globo Minas, Marcelo Matte. O presidente da Fiemg, Olavo Machado, acredita que o prêmio é uma grande oportunidade de identificar bons exemplos na sociedade. “Tem muita gente fazendo muita coisa boa no anonimato. Esse prêmio incentiva essas pessoas. A cada edição a gente vê crescer o número de inscritos”. Já o fundador da FDC Emerson de Almeida partilha da mesma opinião. “Vivemos em um país com muita carência, seja de distribuição de renda, seja de atitude. E quando o prêmio mostra atuações positivas, estimula outros a agirem da mesma forma, a acreditar é que é possível fazer algo para o bem comum”. Para o vice-presidente da Sempre Editora, Luiz Tito, a iniciativa “planta na consciência das pessoas a responsabilidade coletiva e social que elas têm em difundir os bons exemplos que são capazes de gerar”. Vencedora de 2014. No ano passado, a menina Julia Fernandes Rodrigues Macedo, de apenas 10 anos de idade, se destacou com a campanha do Lacre Solidário, trocando anéis de latinhas de alumínio por cadeira de rodas.

Inscrições Participe. As indicações para o Prêmio Bom Exemplo são feitas por instituições parceiras e vão até o dia 20 de março. A categoria Cidadania recebe inscrições por meio da internet, no site www.globominas.com/premiobomexemplo.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave