Guerrilha colombiana ELN liberta prefeito sequestrado em dezembro

Na manhã deste domingo, o prefeito pôde se comunicar com sua família para dizer que está em boas condições e que em breve estará em casa novamente

iG Minas Gerais | AFP |

O ELN, segunda guerrilha da Colômbia e atualmente em negociações preliminares de paz com o governo, libertou neste domingo o prefeito de uma localidade do noroeste do país que havia sido sequestrado em dezembro, informou o Exército.

"Confirmamos que o prefeito (de Alto Baudó, Fredys Palacios) foi libertado na madrugada por uma decisão do ELN (Exército de Libertação Nacional), sem que tenha tido pressão militar nem nada. Simplesmente foi deixado livre em uma zona florestal de Chocó", disse à AFP uma fonte do exército.

"Pelas informações que temos, está bem de saúde e foi pego pela Polícia depois de ter sido libertado", acrescentou o militar.

Um helicóptero do Exército estava sendo preparado para sair e buscar Palacios em Quibdó, a capital de Chocó.

Na manhã deste domingo, o prefeito pôde se comunicar com sua família para dizer que está em boas condições e que em breve estará em casa novamente.

"Ele telefonou e disse que já havia sido libertado, que o deixaram em uma comunidade e que estava bem", disse à rádio RCN a esposa do prefeito, Abelinda Medina.

Medina disse sentir uma felicidade imensa ao falar com o marido e garantiu que ela e seus seis filhos o esperarão em Alto Baudó para recebê-lo com festa junto à comunidade.

O ELN reivindicou há três semanas o sequestro do prefeito e declarou que havia privado Palacios de liberdade para "obrigá-lo a se responsabilizar pela administração municipal".

"O prefeito (...) fez campanha eleitoral entre as comunidades, prometendo investir em saúde e educação, mas quando tomou posse fez o mesmo que os demais funcionários do departamento, que é roubar o dinheiro do orçamento municipal", indicou o ELN em um comunicado na ocasião.

Até o momento, a guerrilha não se manifestou sobre a libertação de Palacios.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave