Entendimento promete ficar mais fácil

iG Minas Gerais | Ana Paula Pedrosa |

A partir do dia 10 de março, o governo vai adotar medidas para tornar mais fácil o entendimento dos investidores sobre os papéis do Programa Tesouro Direto. As mudanças não foram detalhadas, mas uma delas será no nome dos títulos, que perderão a “sopa de letrinhas” e informarão diretamente suas características.

Se entender o nome dos títulos é difícil, aplicar é fácil. Basta ter CPF e uma conta em banco e depois se cadastrar no banco ou em uma corretora. A partir daí, o investidor recebe uma senha e faz ele mesmo as compras e vendas. O mais indicado é conversar com o gerente ou corretor antes para escolher o melhor papel para o seu perfil. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave