Olho no Tupi, outro na Liberta

Sonho de mais um título continental faz time celeste colocar Estadual em segundo plano

iG Minas Gerais | Guilherme Guimarães /Josias Pereira |

Chance de ouro. O lateral-direito Mayke, que vinha sendo titular até se machucar, retorna à equipe celeste na partida de hoje
FERNANDA CARVALHO / O TEMPO
Chance de ouro. O lateral-direito Mayke, que vinha sendo titular até se machucar, retorna à equipe celeste na partida de hoje

Não há como esconder, o tricampeonato da Copa Libertadores é o grande sonho de consumo do Cruzeiro no primeiro semestre deste ano. Mesmo com o discurso de respeito aos adversários e ao próprio Campeonato Mineiro, o pensamento da Raposa é conquistar a América novamente. Para isso, o clube foca todas as atenções na disputa internacional. Tanto é que o técnico Marcelo Oliveira utilizará equipe reserva hoje, contra o Tupi, no estádio Radialista Mário Helênio, às 16h, pela quinta rodada da competição local.

Líder do Estadual, a Raposa defenderá o primeiro lugar com uma equipe totalmente alternativa, até para descansar os titulares que se desgastaram com a viagem à Bolívia e o jogo contra o Universitario. Enquanto mantém um olho no Galo Carijó, o outro está focado no Huracán-ARG, adversário de terça-feira pelo grupo 3 da Libertadores. “Fizemos uma viagem longa e temos que investir tudo no jogo da Libertadores, já que é fundamental uma vitória em casa. Outra questão é que temos um elenco que possibilita isso e dá confiança para fazer. Os jogadores não estão atuando constantemente, mas é um time forte e vamos defender a liderança do Mineiro”, explica o treinador.

Do goleiro ao atacante, Oliveira deve ter novidades. Jogadores que já foram titulares e estão em busca de recuperar esse status vão aparecer na escalação inicial. “Se considerarmos que todos são importantes e foram titulares em algum momento, vamos jogar contra o Tupi com um time forte e capaz de buscar a vitória. Todos têm condição de ser titulares, como já foram Manoel, Bruno, Mayke, que saiu machucado, Pará que está com o olho brilhando, e Willian Farias, que jogou contra o Universitario”, justifica.

O lateral-esquerdo Pará terá sua primeira oportunidade na Raposa. Contratado junto ao Bahia, o jovem fará sua estreia hoje. “É uma oportunidade para mim e espero poder aproveitar. Agarrar com unhas e dentes e fazer uma confusão boa na cabeça do treinador. É uma responsabilidade muito grande, e diante do Tupi vou procurar fazer o que estamos fazendo nos treinamentos para sairmos com a vitória”, disse.

A entrada de Pará tem uma justificativa do treinador: “Vou dar ritmo para ele e observar aqueles que podem ingressar no time titular. O Cruzeiro está forte neste aspecto”, afirma Marcelo Oliveira.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave