Garoto sobrevive após cair do 10º andar de prédio em Campinas

A vítima fraturou o fêmur (osso da coxa) e está internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital das Clínicas da Unicamp

iG Minas Gerais | Folhapress |

Um garoto de dez anos sobreviveu a queda do décimo andar de um prédio residencial na tarde desta quinta-feira (26), em Campinas (a 93 km de São Paulo). O caso será investigado pela Delegacia da Mulher da cidade. O menino morava com os pais, que não estavam em casa na hora do incidente.

A vítima fraturou o fêmur (osso da coxa) e está internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital das Clínicas da Unicamp. Segundo a assessoria do hospital, o menino está consciente. Os médicos avaliam a necessidade de cirurgia, mas não há risco de morte.

Antes de se chocar contra o chão, o corpo do garoto atingiu o telhado da garagem do prédio. A polícia acredita que isso tenha amortecido o choque. Aos bombeiros, a vítima disse que se jogou da janela do quarto. A rede de proteção estava cortada.

A empregada que trabalhava no apartamento e o porteiro do edifício prestaram informações à polícia. A mulher era a única pessoa presente na moradia na hora da queda. O porteiro foi um dos primeiros a chegar ao local da queda.

A polícia não divulgou o teor dos depoimentos. O caso foi registrado como tentativa de suicídio, mas todas as hipóteses estão sendo avaliadas pela polícia.

Familiares do garoto estão no hospital para acompanhamento.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave