Advocacia, resultados e liderança

iG Minas Gerais | Kênio de Souza Pereira |

Nos últimos anos temos presenciado um enorme crescimento de descumprimentos dos contratos, da falta de respeito ao patrimônio alheio, especialmente no setor público, o que tem gerado manchetes diárias na mídia, convocando os advogados para defender seus clientes. O resultado de tanta demanda é o crescimento dos escritórios e sociedades de advogados, que tem exigido uma estrutura empresarial, passando a ser fundamental a liderança para coordenar os esforços de forma eficaz.   O problema é que as faculdades, que se multiplicaram nos últimos 15 anos, não preparam os advogados para atuarem como empresários e líderes, o que deixa a população numa situação delicada, já que com uma melhor visão dos negócios os clientes seriam melhor atendidos.   CURSO ENSINA LIDERANÇA NA ADVOCACIA   No decorrer de muitos anos escrevendo sobre Direito nesta coluna do Jornal Pampulha/O Tempo tendo recebido diversas solicitações de leitores e advogados para a indicação de cursos para se desenvolver na advocacia. Ao responder tenho certa dificuldade, pois há poucos cursos que valem a pena. Mas, nos dias 05 e 06/03, será realizado o curso “Liderança Eficaz na Advocacia”, com a equipe da Fantoni Castro Desenvolvimento Organizacional.    Há muito tempo o mercado espera por iniciativas como essa, pois carecemos de líderes que fazem o diferencial competitivo, especialmente no setor de serviços onde o capital humano e o conhecimento técnico devem ser estimulados a render o máximo possível.    Adriana Fantoni, sócia da empresa especializada em gestão para escritórios de advocacia, explica que “em um ambiente de crescente competitividade e com alto grau de exigência, os escritórios de advocacia, cada vez mais, se deparam com a necessidade de investir na formação da liderança como forma de ampliar os seus resultados e, consequentemente, os de seus clientes. O líder, mais do que atrair e reter talentos para o escritório, tem o papel essencial de desenvolver sua equipe, a fim de potencializar a contribuição de cada advogado.”    O agravamento da crise em 2015 e a consequente tendência de gerar mais litígios judiciais, tanto no mercado imobiliário, como em todos os setores da economia, exigem uma melhor preparação técnica para a prestação de serviços em todas as áreas, especialmente na jurídica. Mas, diante da deficiência das faculdades em capacitar advogados para a gestão, surge uma pressão que dificulta o crescimento dos escritórios. Adriana afirma que “essa pressão tem impacto direto sobre as lideranças, que, se não preparadas, passam a ser questionadas pelos próprios liderados ou os deixam desmotivados o suficiente para procurarem novas oportunidades de carreira. As consequências são graves e a perda de profissionais-chave, pode, inclusive, provocar a transferência, junto com eles, de vantagens competitivas para outros escritórios”.    Para mobilizar suas equipes para a solução de problemas e gerar maior segurança, tanto interna, quanto externamente, é fundamental que os advogados foquem no desenvolvimento de habilidades específicas de liderança. Para mais informações, basta enviar e-mail para contato@fantonicastro.com.br, sendo que a inscrição para participar do “Liderança Eficaz na Advocacia” pode ser realizada através do site: fantonicastro.com.br .   RÁDIO JUSTIÇA DO STF – No dia 03/03, às 09:30h falarei sobre o direito de vizinhança, como combater os abusos como o barulho, uso irregular da garagem e áreas de lazer. Ouça minha coluna de Direito Imobiliário no site www.radiojustica.jus.br ou na FM 104,7 Brasília. Envie sua dúvida por e-mail e ouça a resposta na Rádio BandNews BH (FM 89,5) às segundas e sextas-feiras às 13:10h.